ASSOBRAFIR Ciência
https://assobrafirciencia.org/article/doi/10.47066/2177-9333.AC.2020.0007
ASSOBRAFIR Ciência
Artigo Científico Original

Impacto da reabilitação pulmonar na função respiratória e capacidade funcional em paciente com paralisia diafragmática unilateral: relato de caso

Rafaela Correia de Souza Cunha, Rafaela Pedrosa, Andrezza Soares Dias, Carlos Eduardo Porto da Silva, Eduardo Eriko Tenório de França, José Heriston de Morais Lima

Downloads: 0
Views: 29

Resumo

Introdução: a reabilitação pulmonar (RP) foi definida como um programa multidisciplinar de atendimento a pacientes com insuficiência respiratória crônica, individualmente adaptado e projetado para otimizar o desempenho físico e social e a autonomia. Objetivo: identificar a repercussão da RP na função respiratória, capacidade funcional e na sensação de dispneia em um paciente com paralisia diafragmática unilateral. Métodos: trata-se de um relato de caso. Paciente do sexo masculino, 51 anos, com diagnóstico de paralisia diafragmática unilateral foi submetido durante dois meses a um protocolo de RP composto por exercícios aeróbios, treinamento muscular respiratório (PowerBreathe IMT) e fortalecimento de membros superiores. Foram avaliados a força e resistência muscular respiratória, função pulmonar, capacidade funcional e percepção de dispneia. Resultados: o paciente apresentou um aumento da capacidade vital forçada em 24,1% e do volume expiratório forçado no primeiro segundo em 26,4%. Houve um ganho de 29,7% na força muscular respiratória e um aumento de 38,5% no tempo da execução do teste de resistência com um aumento de 33,3% na carga suportada durante este teste, elevação de 6% na velocidade da esteira durante o teste de esforço e um aumento de 40% na carga do teste incremental de membros superiores. Além disso, a percepção de dispneia do paciente diminuiu de 4 para 1. Conclusão: os resultados obtidos sugerem que a RP contribuiu para melhora da função pulmonar e músculo ventilatória, como também, apresentou-se eficiente na melhora da capacidade funcional e na redução da dispneia do paciente diagnosticado com paralisia diafragmática unilateral.

Palavras-chave

Reabilitação; Paralisia Respiratória; Mecânica Respiratória

Referências

  1. Bonnevie T, Gravier FE, Ducrocq A, Debeaumont D, Viacroze C, Cuvelier A, et al. Exercise testing in patients with diaphragm. Respir Physiol Neurobiol. 2018;248:31-5. http:// dx.doi.org/10.1016/j.resp.2017.11.006. PMid:29155335.
  1. Ricoy J, Rodríguez-Núñez N, Álvarez-Dobaño JM, Toubes ME, Riveiro V, Valdés L. Diaphragmatic dysfunction. Pulmonology. 2019;25(4):223-35. http://dx.doi.org/10.1016/j. pulmoe.2018.10.008. PMid:30509855.
  1. Dubé BP, Dres M. Diaphragm dysfunction: diagnostic approaches and managent strategies. J Clin Med. 2016;5(12):1-30.

4. Ribeiro BV. Reabilitação pulmonar: da teoria à prática. Pulmão. 2015;24(3):54-8.

5. POWERbreathe International Ltd. POWERbreathe KH2 with Breathe-Link medic live feedback software. England, UK; 2020.

6. Sales ATN, Fregonezi GAF, Ramsook AH, Guenette JA, Lima INDF, Reid WD. Respiratory muscle endurance fter respiratory muscle training in athletes and non-athletes: a systematic review and meta-analysis. Phys Ther Sport. 2016;17:76-86.

7. Pereira CA, Sato T, Rodrigues SC. Novos valores de referencia para espirometria forçada em Brasileiros adultos de raça branca. J Bras Pneumol. 2007;33(4):397-406. http://dx.doi. org/10.1590/S1806-37132007000400008. PMid:17982531.

8. Laghi F, Tobin MJ. Disorders of the respiratory muscles. Am J Respir Crit Care Med. 2003;168(1):10-48.

9. Cabral LL, Lopes PB, Wolf R, Stefanello JMF, Pereira G. Revisão sistemática da adaptação transcultural e validação da escala de percepção de esforço de borg. J Phys Educ. 2017;28:1-13.

10. Evans RA, Singh SJ, Collier R, Williams JE, Morgan MD. Pulmonary rehabilitation is successful for COPD irrespective of MRC dyspnoea grade. Respir Med. 2009;103(7):1070- 5. http://dx.doi.org/10.1016/j.rmed.2009.01.009. PMid:19217765.

11. Troosters T, Blondeel A, Janssens W, Demeyer H. The past, presente and future of pulmonar rehabilitation. Resprology. 2019;24(9):830-7. http://dx.doi.org/10.1111/resp.13517.

12. Bissett BM, Leditschke IA, Neeman T, Boots R, Paratz J. Inspiratory muscle training to enhance recoverry from machanical ventilation: a randomised trial. Thorax. 2016;71(9):812-9. http://dx.doi.org/10.1136/ thoraxjnl-2016-208279. PMid:27257003.

13. Walterspacher S, Pietsch F, Walker DJ, Röcker K, Kabitz HJ. Activation of respiratory muscles during respiratory muscle training. Respir Physiol Neurobiol. 2018;247:126-32. http:// dx.doi.org/10.1016/j.resp.2017.10.004. PMid:29037769.


Submetido em:
10/08/2020

Aceito em:
03/12/2020

6081a73da9539528d55885a3 assobrafir Articles
Links & Downloads

ASSOBRAFIR Ciência

Share this page
Page Sections